6 Dicas para Relançar o seu Negócio no mês de Setembro

Teresa Botelho Alavancagem, Business Coaching, Coaching Empresarial

Agora que o Agosto está a chegar ao fim, é fundamental concentrar-se neste último quadrimestre. Deixo-lhe aqui 6 dicas para relançar o seu negócio e fechar o ano em grande.

Dicas para relançar o seu negócio

1. Faça um Plano de Marketing que pode de facto cumprir e que pode de facto pagar

Pior que não ter um Plano de Marketing, só pode ser ter um plano e não o poder cumprir.

Sente-se e, desta vez, comprometa-se consigo mesmo que o vai cumprir, seja qual for o esforço requerido para o fazer. Aproveite este momento para refletir e ver porque é que antes não o cumpriu:

  • Estabeleceu demasiadas ações e atividades?
  • As várias estratégias demoraram mais tempo do que projetou e acabaram por não ser concretizadas?
  • Não planificou de forma efetiva e faltou algum elemento que fez com que não se concretizassem?
  • Estava dependente de alguém que falhou?
  • Ou planeou um valor de investimento que depois não conseguiu cumprir?

Com as lições aprendidas, elabore um Plano de Marketing que pode de facto passar do papel à realidade.

Mais do que focar-se em elaborar o plano perfeito, foque-se em fazer acontecer e tenha orgulho em cada etapa que realiza.

Investir de forma correcta em Marketing é algo fundamental. Só assim pode criar um negócio que tenha uma massa crítica de Clientes importante e que permite a sua sustentabilidade.

Não reconhecer isto é ficar entregue ao boca a boca e essa única estratégia já levou muitas Empresas à falência.

2. Reformule ou crie um Novo Site

O seu site está otimizado para providenciar informação a quem acede através do telemóvel?

São cada vez mais as pessoas que acedem à internet no seu smartphone e passam bastante tempo a navegar, lendo e recolhendo informação, trocando ideias com os seus colegas e/ou amigos, criando novas redes de interação e de ação.

Foi adiando, adiando… e ainda não tem site? Se for este o seu caso, é quase o mesmo que desistir antes sequer de ouvir o sinal de partida!

O que o tem impedido?

  • Preço? Hoje em dia por menos de 400€, pode ter um site profissional.
  • Falta de conhecimentos técnicos?
  • Não encontrou as pessoas certas? Não deixe que isso trave a sua presença na Internet.
  • Contacte-nos… nós podemos ajudar.

3. Entre em Contacto com os seus Antigos Clientes

Há quanto tempo não fala diretamente com os seus clientes mais antigos? Tem estratégias pensadas para estar a falar de forma sistemática? Tem alguma forma inovadora de comunicar com eles?

O mundo tem estado a mudar muito rapidamente nesta área e hoje em dia, comunicar com os nossos clientes pode ser algo inovador, interessante e que os seus clientes podem adorar!

Desde as redes sociais, passando por cartas ou emails, fale com os seus clientes.

Sabe há quanto tempo eles não se lembram de si porque não os contacta? Esta é uma ótima altura para perceber o que está a passar com eles.

Se eles deixaram comprar há algum tempo… contacte-os, mostre-lhe as novidades/promoções do mês e pergunte-lhes o que se passou.

Lembre-se de ter uma boa desculpa, dizendo: estou a retomar o contacto porque…

Aproveite este momento para começar a construir uma relação de qualidade com os seus antigos clientes.

Peça-lhes a opinião sobre algo que é importante e transforme-os nos seus maiores aliados.

Aliás, se eles estão consigo há tanto tempo é porque lhe reconhecem valor.

Não entregue esta tarefa diretamente a um Colaborador.

Tenha brio e ponha as mãos na massa.

Contacte todas as semanas pelo menos 10 Clientes, a informação que vai recolher não tem preço e podem cair negócios importantes!!!

4. Reative de forma consciente e forte o seu Networking

Quando foi a última vez que foi a um evento de Networking? Lembre-se: quem não aparece, esquece.

Se não gosta dos eventos a que foi, pode pensar em criar um evento seu.

Veja quais são os temas em que pode dar formação/lançar/comemorar, etc. e convide os seus Clientes, pedindo-lhes que eles tragam também os seus clientes e/ou amigos.

Depois lembre-se: há que ir para um evento de Networking com a mentalidade certa.

Tem que pensar: como é que eu posso acrescentar valor a estas pessoas?

Primeiro que tudo pense em escutar… só assim pode estabelecer um contacto que interessa ao outro.

Pode sempre fazer perguntas de forma aberta e interessada. Pode perguntar qual o negócio da pessoa com que está a falar, tente perceber qual o seu maior desafio e mentalmente, lembre-se se conhece alguém no seu círculo de contactos, que possa ajudar a pessoa à sua frente.

Depois apresente as pessoas e explique ao seu conhecido que se lembrou dele porque talvez possa ajudar.

Passados alguns dias faça o follow-up (importantíssimo!) para saber o que se passou e será mais uma oportunidade de conseguir interagir, com a pessoa que conheceu no evento de Networking.

Lembre-se: ir a eventos de Networking não é apenas recolher cartões, conseguir o negócio da sua vida e por aí adiante… os eventos foram feitos para criar relações de qualidade e acrescentar valor a quem fica a conhecer.

Se agir assim, imagine como o vão apresentar da próxima vez que estiverem juntos, noutro evento? ‘Este é o João Santos, ajudou-me imenso da última vez porque me apresentou um advogado fantástico!’

Dê o primeiro passo e ajude….. é uma questão de tempo e será ajudado !!!

5. Analise a sua Empresa, veja o que está bem e o que não está bem. Mude o que é necessário!

Lincoln dizia que se tivesse 8 horas para deitar abaixo uma árvore, passaria as primeiras 6 horas a afiar o seu machado.

Podemos aplicar esta mesma forma de pensar à estratégia da sua Empresa.

Ao longo do ano, quantas vezes parou para pensar sobre o Plano Estratégico da sua Empresa? Quanto tempo dedicou a refletir sobre os resultados? Quanto tempo investiu a analisar o que se está a passar? Será que ficou o ano todo na Rodinha dos Ratos, a fazer, fazer… sem saber muito bem para onde ia? Pare e mude a situação!!!

É fundamental termos espaços de reflexão em que podemos parar e analisar o que está a acontecer e depois corrigir e tomar decisões baseadas nessas conclusões.

Muitas vezes também refletimos, sabemos o que temos que mudar mas depois procrastinamos…adiamos, adiamos e não pomos ações necessárias em prática.

Embora saibamos o que temos que fazer, nada acontece e toda a reflexão se perde porque não agiu.

Se é este o seu caso lembre-se: só a ação é verdadeiramente transformadora. A análise é importante mas não muda nada. Permite ver mais claro, para podermos agir melhor. Mas se depois de analisarmos… não mudamos nada, acabamos por nos sentir ainda pior.

Lembre-se, a análise sem ação associada não dá frutos porque sozinha não consegue melhorar os resultados. É da sua responsabilidade fazer acontecer… aquilo que quer que aconteça. Para o bem e para o mal…. você é o responsável do negócio!!!!

6. Fale com a sua Equipa de Vendas e com os seus Colaboradores e recolha o seu feedback

A satisfação e motivação dos nossos colaboradores é de extrema importância… o sucesso de uma empresa depende do esforço de todos!

Perceba se estão satisfeitos com as suas condições… se os incentivos de Vendas estão ajustados… Resumidamente, ouça a opinião dos que o rodeiam!

E partilhe a sua… dê a conhecer o Plano Estratégico da Empresa… partilhe os objetivos até ao final do ano… faça com que estejam todos alinhados com vista ao objetivo comum!

Se os seus colaboradores não estiverem alinhados com a estratégia definida e motivados… os resultados não vão aparecer!

 

Se gostou deste artigo, partilhe nos grupos de que faz parte ou partilhe-o com os seus amigos. Eu desde já lhe agradeço!

Siga-nos também no Facebook.

 

Dúvidas?

Terei muito prazer em conhecê-lo/a, perceber quais são os desafios que enfrenta neste momento e mostrar-lhe sem compromisso, como é que o programa o/a pode ajudar.

Teresa Botelho6 Dicas para Relançar o seu Negócio no mês de Setembro